Agosto Dourado: Saúde realiza I Simpósio Municipal em Aleitamento Materno

Conferência abordou sobre o aleitamento materno e o apoio às mães durante a fase de amamentação. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS

Evento teve o intuito de capacitar os profissionais de saúde de Maceió sobre importância do aleitamento materno

Em alusão à campanha Agosto Dourado – mês símbolo da luta pelo incentivo à amamentação – a Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Programa de Atenção Integral à Saúde da Criança, promoveu nesta quarta-feira (10), o I Simpósio Municipal em Aleitamento Materno, cujo tema foi ‘Fortalecer a Amamentação: Educando e Apoiando’. A conferência aconteceu no Centro Universitário Tiradentes (Unit), em Cruz das Almas.

Em parceria com o Gabinete de Políticas Públicas para Mulheres e a Maternidade Escola Santa Mônica, o evento reuniu diversos profissionais de saúde de Maceió e acadêmicos da área com o objetivo de trazer sensibilização e informação acerca do aleitamento materno, além de reforçar a importância do apoio e da assistência às mulheres pelos profissionais de saúde e familiares. 

A secretária-adjunta de gestão em Saúde, Roberta Borges, destaca o apoio e a assistência que a Prefeitura de Maceió vem realizando às mães da capital para  promover a saúde infantil por meio do incentivo ao aleitamento materno. 

“Esse momento representa uma troca de experiência entre nós, profissionais de saúde. O Agosto Dourado é uma campanha linda, e a Prefeitura de Maceió vem levantando a bandeira do amor que alimenta. A capital conta com o posto de coleta de leite humano, que se encontra na Unidade de Saúde Hamilton Falcão. Lá fazemos o acolhimento das mães do 6º Distrito Sanitário e também arrecadamos leite para ajudar a amamentar outras crianças, daquelas mães que têm dificuldade em amamentar”, afirma.

Secretária-adjunta de gestão em Saúde, Roberta Borges, falou da assistência às mães e bebês. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS

A coordenadora do Programa Integral à Saúde da Criança, Marglene Oliveira, ressalta a importância do simpósio para construir mais conhecimentos sobre a amamentação humana, em especial, ao atendimento às mães lactantes.

“Sabemos o quanto a amamentação é importante para a saúde da criança, porém nem todas as mães conseguem amamentar. Por isso, o simpósio está reunindo os profissionais de saúde com o intuito de transferir mais conhecimento acerca dessa temática, que foca na educação continuada desses profissionais e no apoio às mães durante essa fase que, além dos profissionais, elas também precisam receber esse apoio dos familiares”, frisa a coordenadora.

Coordenadora do Programa Integral à Saúde da Criança, Marglene Oliveira, destaca troca de conhecimento. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS

Já segundo a coordenadora da Atenção Primária de Maceió, Ednalva Araújo, o leite materno fortalece a saúde do bebê e atua na diminuição da mortalidade infantil.

“O Agosto Dourado é uma das ações que mais estão presentes dentro da saúde pública, que é o apoio ao aleitamento materno que, por sua vez, tem um significado muito grande. O leite materno é responsável pela redução da mortalidade infantil, ele é um alimento que fortalece a saúde do bebê. Por isso, dedicamos nosso total apoio a esta causa”, pontua.

Coordenadora da Atenção Primária de Maceió, Ednalva Araújo, explica que amamentar o bebê reduz a mortalidade infantil. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS

Amamentar é um direito

A coordenadora do Gabinete de Políticas Públicas para Mulheres, Ana Paula Mendes, ressalta que a amamentação é um direito da criança e da mãe.

“O aleitamento materno é um direito tanto da criança quanto da mulher. Temos o direito de amamentar, e em livre demanda, e temos o direito de amamentar onde nós quisermos porque qualquer lugar é lugar de amamentar. Desde o ano passado estamos levantando essa pauta, que é uma forma de desconstruir o machismo que ainda permanece em nossa sociedade, objetificando e sexualizando a mulher durante a amamentação. Por isso, esse momento é importante para sabermos também os nossos direitos enquanto mulher e mãe. Amamentar é vida, amamentar é saúde, amamentar é alimento”, enfatiza.

Coordenadora do Gabinete de Políticas Públicas para Mulheres, Ana Paula Mendes, diz que amamentar é um direito. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS

O I Simpósio Municipal em Aleitamento Materno contou palestras de profissionais da saúde sobre manejo do aleitamento materno, desafios e apoios necessários para a amamentação, a importância do aleitamento materno para o desenvolvimento da criança, desmame precoce, pré-natal odontológico e integração ensino-serviço no sucesso do aleitamento materno.

Marília Ferreira/Ascom SMS. Imagem: Victor Vercant/Ascom SMS