OAB-AL recebe Junta Comercial para dar início ao plano de simplificação do registro de negócios

Imagem: OAB-AL.

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB-AL),
Vagner Paes, e a vice-presidente, Natalia Von Sohsten, receberam, na manhã
desta sexta-feira (14), o presidente da Junta Comercial do Estado de
Alagoas (Juceal), Carlos Araújo, e o vice-presidente, Fábio de Lima, para
discutir meios de simplificação do registro de sociedades advocatícias,
dando mais celeridade e transparência ao processo.

Um dos pontos discutidos na reunião foi a integração da Ordem à Rede
Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e
Negócios (Redesim) em Alagoas, disponibilizando o registro de sociedade
simples pura e sociedade unipessoal de advocacia por meio do portal
Facilita Alagoas. Com isso, os advogados poderão dar sequência ao processo
de registro das sociedades pelo portal, no qual, após o deferimento, será
gerado automaticamente o CNPJ do negócio. Com a integração, o usuário
também tem acesso aos campos para legalização da empresa.

De acordo com o presidente da Juceal, Carlos Araújo, a entidade está à
disposição da OAB-AL para atualizar o sistema, que já está sendo utilizado
em alguns estados do país. A média hoje da Junta é de um dia e 11 horas
para todos os sistemas e, para ele, a OAB não pode ficar fora desse novo
ritmo de trabalho imposto pelo registro mercantil.

“Estamos vendo a disposição dessa gestão da OAB para colocar nossas ações
em prática. No nosso ponto de vista, a Junta Comercial está pronta para
receber a OAB, passar para eles que alguns estados já estão dentro do
sistema e todas as informações necessárias. Eles vão fazer alguma alteração
e, trabalhando isso, nós estaremos à disposição, a partir de agora, para
integrar o sistema da OAB ao sistema da Junta Comercial”, pontuou.

Para o presidente da OAB-AL, Vagner Paes, a modernização da abertura de
sociedade de escritório e advogados é de suma importância para a advocacia
alagoana. “Nosso objetivo é trabalhar com mais celeridade e transparência.
Em breve, aquela demora para abrir um escritório de advocacia vai acabar.
Essa gestão se compromete com a celeridade e com a modernização do sistema
OAB”, destacou.

Texto e Imagem: OAB-AL.