Estado fará ciclo de concursos com cerca de 5 mil vagas em 2021, anuncia governador

Governador e secretários trataram do cronograma dos editais nesta terça-feira (01). Imagem: Márcio Ferreira.

Após se reunir com secretários de Estado na manhã de ontem, terça-feira (01), o governador Renan Filho confirmou o lançamento, para o primeiro semestre de 2021, de editais voltados à realização de concursos públicos para as áreas da segurança pública, saúde e educação em Alagoas.

Segundo o chefe do Executivo estadual, serão abertas cerca de 5 mil novas vagas.

“O Estado deseja promover concurso para as áreas sociais: segurança pública, saúde, educação e também para a estruturação da área meio, em algumas carreiras, especialmente aquelas tipicamente de Estado; aquelas que, independentemente das mudanças tecnológicas que possam surgir adiante, continuarão sendo feitas por servidores exclusivamente contratados por concurso público”, afirmou o governador.

De acordo com Renan Filho, a elaboração de alguns editais está mais avançada. São os casos da Polícia Militar (PM) e do Corpo de Bombeiros (CB) para a contratação de soldados e oficiais pelas duas corporações. Ainda no tocante à Segurança Pública, está previsto o lançamento do edital destinado ao concurso público da Perícia Oficial.

O governador revelou, também, que se encontra em fase final de estruturação o concurso público voltado à área da saúde, um dos maiores anunciados. “Será um concurso amplo para várias carreiras da saúde pública: médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, nutricionistas, assistentes sociais, psicólogos, terapeutas ocupacionais e outras carreiras”, disse.

“Na saúde, já construímos cinco novos hospitais. Nos próximos dias, vamos iniciar a construção do Hospital da Criança, de maneira que a gente precisará da contratação de novos profissionais. Ainda em dezembro, vamos começar a construção de duas novas UPAS (Unidades de Pronto Atendimento) em Maceió. São obras que precisarão de novos profissionais”, observou.

O concurso público para a educação oferecerá vagas para professores. O Estado estuda, ainda, destinar um quantitativo delas para a área administrativa das escolas.

A reunião que discutiu a realização de concursos públicos em Alagoas ocorreu no Salão de Despachos do Palácio República dos Palmares. Participaram do encontro o secretário do Gabinete Civil, Fábio Farias; da Fazenda, George Santoro; do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Fabrício Marques; além da secretária especial do Tesouro Estadual, Renata Santos; do presidente da Alagoas Previdência, Roberto Moisés; do secretário especial de Patrimônio, Sérgio de Figueiredo; e do procurador-geral do Estado, Francisco Malaquias.

“Vamos fazer um amplo ciclo de concursos no ano que vem, justamente por conta da pandemia que aconteceu em 2020 e que nos impediu de realizá-los. Isso será um marco significativo para o Estado e nós esperamos que, no total, tenhamos mais de cinco mil vagas para todas essas carreiras”, finalizou Renan Filho.

Texto: Severino Carvalho / Agência Alagoas. Imagem: Márcio Ferreira.